Muitas pessoas que estão inciando no mercado da construção têm algumas dúvidas e curiosidades quando o assunto são as ferramentas utilizadas nas obras. Por isso, separamos oito delas que são consideradas essenciais e quais as suas funções. Confira!

Alicates: Elas são muito utilizadas pelos profissionais que estão no canteiro de obras. E se engana quem pensa que existe apenas um tipo. Eles podem ser divididos em: alicate universal, alicate de pressão, alicate de corte frontal, alicate de corte diagonal e alicate de bico meia cana.

Betoneiras: Muito comum dentro das construções, as betoneiras são utilizadas para misturar o concreto e a argamassa. Existem modelos que funcionam a diesel e outros que são elétricos (220V e 380V). A capacidade varia entre 150, 250, 400 e 600 litros.

 

Chaves: Não são apenas mecânicos que utilizam chaves no trabalho. Nas obras elas são amplamente utilizadas para realizar apertos e são úteis em muitas atividades da construção civil. Podem ser divididas em: chave ajustável, chave combinada, chave de fenda, chave estrela, chave inglesa e chave Phillips.

 

 

Lixadeiras: Na maioria das vezes essa ferramenta é utilizada para remoção do excesso de material e para fazer acabamentos. Podem ser divididas entre lixadeira para concreto, lixadeira orbital, lixadeira de palma, lixadeira de cinta e lixadeira combinada.

 

Furadeiras: Possuem inúmeras funções, de acordo com os modelos. São separadas em furadeiras de bancada, que são fixas, de impacto e parafusadeiras.

Martelos: Um dos itens mais versáteis e de fácil manuseio que pode ser encontrado em uma obra. Podem ser tradicionais ou mais modernos, como o martelo demolidor e martelo rompedor.

 

Picaretas: São utilizadas em atividades que necessitem de escavação ou para remover pedras que estejam atrapalhando na construção. As picaretas se dividem em picareta estreita e picareta chibanca.

Serras: Usadas para cortar tábuas, madeirites, cerâmicas, entre outros materiais. São subdivididas em serras circulares, serras de esquadria, serras de fitas, serra de sabre e serras tico-tico.

 

Nível a Laser: A função do Nível a Laser é apontar medições, marcações e os níveis de paredes e pisos. Existem diversos modelos disponíveis no mercado, mas geralmente o funcionamento ocorre com a emissão de feixes de laser para um ponto a outro. Em alguns segundos os engenheiros e responsáveis já têm todas as medidas necessárias.

 

E aí, já conhecia essas ferramentas? Elas são parte fundamental para que a obra ganhe corpo e possa se concluída com sucesso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *